Futuro da Saúde

Como transformar o setor biofarmacêutico para o futuro sistema LIFE care

Nos últimos anos, os sistemas de saúde e a indústria farmacêutica passaram por grandes mudanças devido às disrupções tecnológicas, regulatórias e socioeconômicas. A covid-19 intensificou e catalisou ainda mais essas mudanças nos sistemas de saúde e na prestação de serviços no setor. Os reguladores deram condições para decisões mais rápidas e dinâmicas, aprovaram novas tecnologias, incluindo soluções de saúde digital, e estabeleceram novas vias de reembolso.

Paralelamente, a pesquisa médica e biológica avançou com tecnologias emergentes, incluindo previsão de enovelamento de proteínas in silico, novas terapias celulares e outras plataformas de tratamento. Com essas tendências se concretizando, as fronteiras entre as indústrias continuam a se confundir. A convergência dos setores de saúde, tecnologia e varejo e consumo levará ao que chamamos de sistema LIFEcare. As perguntas críticas para os players nesse novo normal serão: Você está preparado? Qual seu potencial de sucesso nesse futuro em transformação?

Nosso estudo global O Futuro da Saúde – 2021, baseado em entrevistas e respostas a pesquisas que envolveram 150 altos executivos do segmento de saúde, confirma nossa convicção de que essa aceleração está apenas começando. Ao longo da próxima década, a transformação dos cuidados de saúde, por sua vez, moldará a jornada para o sucesso das empresas biofarmacêuticas de uma forma sem precedentes.

Com base nos resultados da pesquisa e no nosso envolvimento com clientes e parceiros, esperamos o surgimento do que chamamos de sistema LIFEcare, uma convergência de sistemas de serviços de assistência à saúde e de tratamento de doenças. No geral, mais de 75% dos executivos de saúde concordam que sistemas LIFEcare se multiplicarão até 2035, especialmente nas áreas de doenças cardiovasculares e metabólicas, oncologia e neurologia.

Esse ajuste envolverá uma disrupção significativa da cadeia de valor das biofarmacêuticas. Ao mesmo tempo, prevemos que a criação de novas oportunidades em áreas como cuidados preventivos e nutrição personalizada levará o mercado global de assistência à saúde a se expandir de duas a três vezes, gerando US$ 2,8 trilhões a US$ 3,5 trilhões até 2030.

Confira a notícia completa clicando aqui

Postagens Relacionadas

Siga nossas Redes Sociais

Receba nossas Notícias